Paciente: o veado-catingueiro

veado-catingueiro
O veado-catingueiro (Mazama gouazoubira) foi levado ao COP SP pela Polícia Militar Ambiental do Guarujá, que foi acionada para resgatá-lo em uma casa situada na Vila Zilda. Tratava-se de uma fêmea subadulta, com escoriações na cabeça, na barriga e no dorso. Além disso, estava molhada e com a temperatura baixa. No COP, recebeu os cuidados necessários e, depois de seca, ficou em um dos recintos. Ficou dois dias em observação e, antes de ser solta, foi microchipada.